terça-feira, 29 de maio de 2007

Enquanto Houve Tempo... - Nº 2


Voltei hoje ao baú das recordações do "Enquanto Houver Tempo"... o que se viveu, riu e até chorou naquela famosa caixa de comentários!!!

Rebuscando nos Arquivos de Novembro 2006... encontrei o 1º poema - enfim umas quadrazitas - que fiz "em directo" ou seja "repentistamente" à MJ... nem sequer o escrevi, nem à mão, nem no Word... e até já nem me recordava dele!

A partir deste ponto, então - viajamos 7 meses para trás... apertem os cintos...
.................................................................................................................

MJ disse...

Pah, Aspásia e Mª das Dores:

Lindas são vocês. Enchem-me de mimos :-) Quando vos conhecer melhor, dedico-vos um post. :-)

(Ando de rastos, "morta" de cansaço. Daqui a pouco começo a apanhar os pedaços de mim que já andam pelo chão)

Um abraço muito grande

17 Novembro, 2006 21:45

(ao que eu respondi...)

Aspásia disse...

*** Ode repentista dedicada à tua recuperação ***

Ó pedaço de mim
ó metade afastada de mim...
ó MJ querida,
não te quero ver assim...

Vou apanhar teus pedaços,
com carinho e amizade
e colá-los com abraços...
restituir-te a vontade

de resistir aos cansaços,
de levantar a cabeça...
e que num mundo em estilhaços,
a tua sorte aconteça...

Vai acontecer decerto pois tu mereces...

Descansa essa cabecita no fim de semana... passeia com o filhote ao lado, a Gigi ao colo e a Licas atrás...

Beijocas larocas...

;9=

17 Novembro, 2006 22:26

___________________________________________


Quem conheceu o EHT, pode recordar...

Quem não o conheceu, provar um pouco, principalmente, mas não apenas, através das minhas colaborações.

4 comentários:

gasolina disse...

Cada dia a melhorar...Já com vontade de remexer em gavetas que sempre descobrem coisas que nos deixam de bem com a vida!
Boa!
Beijos!

casadaponte disse...

Olá, ML! ... Bom dia.
Isto não há nada como ir tentando.
Com pedaços ou sem eles, cá estou.
Lembro-me perfeitamente deste poema no EHT...e não é que está sempre actual? Ainda bem que há quem nos apanhe os pedações e os cole com carinho...
A música e o poema que lhe serviu de inspiração também é lindíssimo...na voz da Simone (Brasileira).
Beijinhos coladinhos de miminhos,
M.Dores

NARNIA disse...

Sabe sempre bem "rever" emoções mesmo que nos tragam alguma nostalgia :))

beijinho para as duas

tufa tau disse...

olá amiga
gostei muito.

deixei um meme para ti no tufa tau.
beijos