sábado, 7 de outubro de 2006

Manuel Ferreira, Surgião

Caros amigos, como alguns de vocês devem saber, tenho estado com um problema de saúde - uma forte laringite e tosse violenta.
Felizmente, já fui visitada, ao domicílio, por um simpático jovem médico, o qual me disse ser bisneto de um famoso cirurgião da Sertã, cujo repertório de serviços, extremamente ecléctico, gostaria de vos dar a conhecer. Espero que se divirtam tanto como eu. Eu cá por mim só tenho pena de não ter sido paciente dele, embora me pareça que tratava tudo menos as suas próprias constipações... Em fundo estamos a ouvir alguns ruídos provenientes do seu antigo consultório... ;)))

O Surgião

(clique para aumentar)


Infelizmente para todos nós, hoje em dia já não se fazem médicos deste calibre!!!... ;)))

P.S. - já depois de ter postado, encontrei outra referência a este Doutor da Conchinchina...

9 comentários:

lobices disse...

...LOL
...um bom domingo e as melhoras para essa garganta
...um beijinho

Aspásia disse...

Lobices

Um bom Domingo para ti também... mas com um tratamento destes, à martelada, a garganta vai ao sítio, de certeza!! ;)...

Bjs para ti e tua Mãe.

thorazine disse...

Aqui está o exemplo da velha máxima: "Especialização é para os insectos".

As melhoras, mujer! ;))

Pamina disse...

Olá,

Ainda não tinha visto. Pois é impressionante!:)Um verdadeiro homem dos sete ofícios.
Será que terá deixado descendentes de igual calibre e que, em caso afirmativo, estes farão domicílios? É que estou a precisar que me apliquem umas vixas:).
Espero que a garganta já esteja boa. Beijinhos.

APC disse...

Finumenal! ;-)
Se o apanhasse a jeito, perguntava-lhe se acaso o MEU trabalho TE faz mal à saúde. É que, virei eu costas uns dias, à cause de gagner un cadite d'argente, e tu maleitas-te-me; intão kumé?
Ai outomne, outomne, que desgraças as magnânimes almas com tossiduras várias e demais salamaleques (preciseis de um salapismo, é o que é!).
Num gustei!... Num gustei nada de saber que tás na oficina... Amanhã passo por cá a ver como estão as tuas cores, bale? Ao fim e ao cabo, eu também tenho alguns poderes terapêuticos (nunca menosprezar o Acetil-Peli-Cilato... Muito bom! ;-)))

E mimo, claro, que as avós é que a sabiam! :-)))

PS - Vinha cá perguntar-te umas latinices, também; mas fanhozita que deves estar, infidelizavas a pronúncia e nós não queremos disso! A suo tempo! :-)

APC disse...

* precisais

APC disse...

Deixa ver o termómetro: bom, a febre foi-se, lá isso é verdade. Mas ainda tás um quêzinho pálida e nada entra na goela, né? Tomei a liberdade de aviar esta receita de beijokas; agora faça o favor de tomar o remédio todo; não tem contra-indicação e é tiro e queda!
Ah... E nada de PC!!! ;-)
:-*

Anónimo disse...

Parabéns

APC disse...

Mas eu tou de olho, heim? Perceberei quando deixar de ser maleita e virar fita! ;-)
:-*