quinta-feira, 3 de janeiro de 2008

CARTA À AMIGA
(a todas as minhas Amigas...)


Olá, Amiga, resolvi escrever-te
só para dizer que não há nada de novo.

Olha, saí, meti-me no carro
e chegando ao semáforo seguinte
vi o mesmo pedinte
com que há anos deparo.
Dei-lhe uma moeda de vinte.

Na fila de trânsito,
vi as mesmas caras agressivas
por dentro dos vidros embaciados.
Sorrisos não vi, nem expressões vivas:
só olhares cansados.

Também quis entrar no café,
mas era tal a confusão lá dentro
que achei melhor adiar o momento
e fugi dali a sete pés.

Deu-me para comprar o jornal,
mas também não sei para quê:
já ontem, na TV, disseram tudo igual.

Parece que o principal
é que caiu um avião no Mar do Norte.
Mas olha, tiveram sorte:
dos noventa só morreram vinte e tal,
incluindo um doente de Sida, por sinal,
a quem já tinham lido a sentença de morte.

Os pais do rapaz até deram graças
por ele ir de repente
e não o verem mais pela casa
a morrer lentamente.
Das famílias dos outros vinte e tal
é que não sei o que disseram,
não vinha no jornal,
talvez não tenha sido tão sensacional.

Como vês, está tudo normal.

Passei ali pelos arredores
e lá estavam os arrumadores
à porta do Centro Comercial
a arrumarem os senhores doutores.
Também estavam uns ciganos vendedores
discutindo com eles um espaço vital
para estenderem no chão uns cobertores
onde exporem o material.
Mas apareceu um carro da polícia
e debandaram todos por igual.

Enfim, virão tempos melhores.

De saúde, olha, vou assim-assim,
uns dias pior, outros menos mal.
Que se há-de fazer? É fatal.

E assim cheguei ao fim.
Como vês, não há nada de especial.
Fica bem, ou, pelo menos, tu também, menos mal.

Tua,
L.

Aspásia 99

14 comentários:

MJ disse...

Lindíssimo!!! A tua inspiração não acaba nunca. És EXCELENTE!!!

(Aplausos)

Beijo grande*

Sophiamar disse...

LINDÍSSIMO POEMA! TU ÉS UMA FANTÁSTICA POETA, COMPOSITORA, PIANISTA....
TANTA COISA E TÃO BEM FEITA.

ANDO TRISTE! ENTRE O DIA 26 DE DEZEMBRO E O DIA 2 DE JANEIRO, PERDI DOIS AMIGOS. FIQUEI MUITO POBRE. A NOSSA AMIGONA ESTÁ TRISTE.
NÃO ESTOU BEM. TU ÉS UMA DAS FLORES DA BLOGOSFERA QUE NOS TRAZ ALEGRIA.
MIL BEIJINHOSSSSSSS
QUE A TIA VOLTE PARA MAIS UNS DIAS DE COMPANHIA.

amigona avó e a neta princesa disse...

É, tudo igual apesar de um novo ano...tudo igual? Não minha querida, quem me dera que fosse igual! Beijo...

Mago da Lua disse...

Lindo este poema, sentimento.
Gostei do "A Flauta de Pã"
Voltarei.

Lumife disse...

Regressando ao "trabalho" devagarinho...

Desejando tudo de bom em 2008.

Ler as tuas palavras dispôe bem para aturar um dia cinzento.

Beijos

AQUILES disse...

BOM ANO

Sophiamar disse...

VIM OUVIR-TE, LER-TE, ESCREVER-TE. GOSTAVA QUE TROUXESSES PARA O TEU BLOGUE A MINHA DÁLIA. PERTENCE AOS AMIGOS, ÀQUELES QUE ME DEIXAM PALAVRAS QUE ME FAZEM ROMPER CAMINHO.OBRIGADA, AMIGA LINDA!

MIL BEIJINHOSSSSSSSS

pin gente disse...

AMIGA... PARA PIOR, JÁ BASTA ASSIM!

MUITO BEM ESCRITO

BEIJO
luísa

gasolina disse...

MESMO O IGUAL TEM OUTRAS NUANCES.
SINTO-TE FORTE, SORRIDENTE E CADA VEZ MAIS PRÓXIMA DE TI.

AGORA O QUE CONTINUA MESMO INALTERÁVEL É A TUA CAPACIDADE GENIAL DE POEMARES... ATÉ PARECE FÁCIL. MAS É SÓ PARA QUEM SABE.

UM BEIJO, JARDINEIRA!

FELIZ 2008 PARA TI E PAI RUI

amigona avó e a neta princesa disse...

Minha querida amiga hoje vou fazer uma mensagem com a flor que me ofereceste! A vida tem coisas tão engraçadas!!! Nós somos MILHÔES e no entanto...já vais perceber...beijo...

Sophiamar disse...

TU ÉS ESPECIAL, ASPÁSIA! ENTÃO OFERECESTE UMA ROSA LINDA À AMIGONA, QUE É ESPECIALÍSSIMA? AI ESSA SENSIBILIDADE, ESSA DOÇURA, ESSA PESSOA LINDA QUE AÍ MORA DEIXA-ME DE LÁGRIMA NO OLHO.
AQUI FICAM MIL BEIJINHOS E A MINHA AMIZADE. SEMPRE!

Agulheta disse...

Amiga Aspácia. pelo conselho da Amigona,aqui estou e feliz pela visita,na escrita desta carta,com grande sentimento,certamente não te irás chatear pela visita,já agora pergunto se posso voltar como um amigo Beijinho Lisa

NARNIA disse...

..."enfim, virão tempos melhores..."
Quero e preciso de acreditar que sim.

Beijinho grande

amigona avó e a neta princesa disse...

Querida depois de perceber que não conhecias o Victor do Oficina das Ideias vi que têm uma amiga em comum - a gasolina! Por isso não o visitaste antes por puro acaso! Beijo amiga...